História

A história da Farkasvölgyi Arquitetura começou em 1973, quando István Farkasvölgyi, então presidente do Instituto dos Arquitetos do Brasil – seção Minas Gerais – e ancorado pelo sucesso do projeto para a sede da Usiminas, fundou o escritório em Belo Horizonte.

István nasceu na Hungria em 1933, onde se formou arquiteto, seguindo os passos do pai. Em Budapeste, deu seus primeiros passos como profissional, concretizando seu antigo sonho de criança. Em 1956 foi perseguido pelo regime comunista húngaro, por fazer parte do movimento de insurgência contra o totalitarismo do governo, e deixou o país. Tendo como destino os Estados Unidos, fez uma escala no Brasil, e a estadia programada para durar poucos dias se tornou definitiva.

O escritório conta com vasta produção arquitetônica sob a coordenação de István, que em 1990 passou dividir a direção com seu filho Bernardo Farkasvölgyi. Juntos, obtiveram o reconhecimento do mercado, trabalhando em diversos projetos, até o falecimento de István em 2005. Nesse mesmo ano passaram a responder pela empresa juntamente com Bernardo, a especialista em marketing Carina Farkasvölgyi e a arquiteta Mariana Rodrigues.

As atuações de Bernardo, Carina e Mariana contribuem para a consolidação da Farkasvölgyi Arquitetura no mercado, fazendo com que a empresa se destaque pela elaboração e desenvolvimento de projetos arquitetônicos únicos.